Ir direto para menu de acessibilidade.
Acesso à informação

O  Grupo de Soluções em Engenharia (GSE), grupo de pesquisa cadastrado no CNPq, esteve presente no XLVII Congresso Brasileiro de Educação em Engenharia 2019 (COBENGE). Durante o evento, realizado em Fortaleza entre os dias 16 e 20 de setembro, estiveram presentes para apresentar um total de seis trabalhos aprovados do GSE os pesquisadores: Fernanda Oliveira de Medeiros, Lilian Barbosa de Oliveira, Ana Paula Lima dos Santos e Gustavo Lobato Campos.

 

Os trabalhos são frutos de projetos desenvolvidos pelos docentes pesquisadores como: ações em sala de aula, resultados de projetos de iniciação científica e trabalhos de conclusão de curso. A seguir títulos dos trabalhos apresentados:

ARDUINO: UMA NOVA FERRAMENTA PARA A APRENDIZAGEM, ESTUDO DE CASO NO IFMG CAMPUS FORMIGA. Autores: Gustavo Lobato Campos; Ana Paula Lima dos Santos; Patrick Santos de Oliveira.

EMPREGO DA METODOLOGIA BASEADA EM PROJETO EM AÇÃO INTERDISCIPLINAR NA ENGENHARIA ELÉTRICA. Autores: Gustavo Lobato Campos; Mariana Guimarães dos Santos.

FERRAMENTA COMPUTACIONAL DIDÁTICA PARA SIMULAÇÃO DE MÁQUINAS ELÉTRICAS DE CORRENTE CONTÍNUA EM EXCITAÇÃO INDEPENDENTE E EM DERIVAÇÃO. Autores: Mariana Guimarães dos Santos; Ana Carolina Silva Castro; Ana Paula Lima dos Santos; Gustavo Lobato Campos; Patrick Santos de Oliveira.

INTERFACE EDUCACIONAL PARA USO COMO FERRAMENTA DE ENSINO DE MOTORES DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS NOS CURSOS DE ENGENHARIA ELÉTRICA. Autores: Lilian Barbosa de Oliveira; Mariana Guimarães dos Santos; Ana Paula Lima dos Santos; Gustavo Lobato Campos; Patrick Santos de Oliveira.

MÉTODO DE LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICO PARA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA: UMA ABORDAGEM NO CONTEXTO DA INDÚSTRIA 4.0. Autores:  Fernanda Oliveira de Medeiros; Danielle Costa de Oliveira; Patrick Santos de Oliveira.

PROTÓTIPO DE ESTEIRA COM SISTEMA DE RECONHECIMENTO E SEPARAÇÃO DE OBJETOS POR COR. Autores: Marielly Dayane da Silveira; Marcos Vinícius Silvestre Carneiro; Erick Breno Rodrigues Melo; Thalles Gustavo da Silva; Artur Augusto Silva Alves; Gustavo Lobato Campos; Mariana Guimarães dos Santos.

 

 

Fernanda, discente do Curso de Ciência da Computação destaca: "Participar do COBENGE 2019 foi uma oportunidade única, primeiramente para levar o meu trabalho para além do instituto e receber o feedback de alunos e professores de diferentes partes do Brasil. Além da apresentação em si, o congresso apresenta, debate e ensina temas fundamentais a vida acadêmica, que estimulam o crescimento pessoal e profissional, além de agregar a visão dos desafios e soluções que podemos aplicar ao nosso meio”. Já Lilian, estudante da Engenharia Elétrica cita que, "como aluna, participar de um renomado congresso como o COBENGE foi de grande satisfação! O entusiasmo e a sensação de valorização do trabalho ocorreram desde o recebimento do e-mail de aprovação do artigo até a participação física na apresentação em sessão técnica no Congresso. Além disso o COBENGE proporcionou palestras e minicursos que me aproximaram de temas sobre o atual cenário da educação nas engenharias e foi de grande proveito. Valeu muito a pena todo o esforço feito por mim, pela professora e orientadora Msc. Mariana Guimarães dos Santos e por todos os co-orientadores do artigo, pois no final toda a experiência foi muito gratificante.”

Marcos Vinícius, também aluno da Engenharia Elétrica destaca que, ter um trabalho aprovado em um congresso de nível nacional, motivou toda a equipe responsável pela elaboração do mesmo a expor os resultados de projetos desenvolvidos futuramente por meio de publicações e afins. A partir desta oportunidade, percebemos que a parceria entre alunos e professores possibilitam pesquisas de alto nível acadêmico e que geram aprendizado”.

Já os professores Ana Paula e Gustavo Lobato destacaram que além das apresentações de trabalho que demonstram relevância de vários temas nas Engenharias, também foi proveitoso a participação no evento pois em determinadas plenárias foram discutidas as novas DCNs das Engenharias, assim como casos de sucesso de algumas instituições de ensino superior no desenvolvimento e aplicação de metodologias alternativas de ensino. Professor Gustavo comenta "que fica cada vez mais claro que precisamos deixar de pensar em disciplinas de forma isolada e desenvolver ações interdisciplinares que impactem em competências fundamentais no mercado atual".

O professor salientou ainda o apoio de todos os docentes do GSE, que auxiliaram, dentro do possível, para a presença de alguns discentes ao evento, uma vez que pela situação orçamentária não foi possível nenhum tipo de auxílio institucional. “Parabéns a todos os envolvidos, docentes, pesquisadores, e claro aos alunos. Ensino não se realiza somente em sala de aula! Trabalho de qualidade! Dá-lhe GSE!”

 



 
Para o topo.