Ir direto para menu de acessibilidade.
Acesso à informação

Nos dias 26 e 27 de setembro, estudantes da graduação em Engenharia Elétrica, matriculados na disciplina “Materiais Elétricos e Dispositivos Semicondutores” acompanhados dos professores: Danielle Cristina Teles Ferreira, Lilian de Lima Madeira e Sylvestre Aureliano Carvalho, realizaram uma visita técnica ao Laboratório de Nanomateriais do Departamento de Física da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e ao Centro de Nanotecnologia de Minas Gerais (CTnano) – ambos localizados em Belo horizonte.

A professora Danielle Cristina Teles Ferreira, organizadora da visita, relata que os alunos estavam estudando em sala de aula as propriedades elétricas e estruturais de matérias empregados para a fabricação de dispositivos, assim, “a visita foi uma oportunidade única e de muita importância para os alunos conhecerem de perto os processos e equipamentos utilizados na fabricação de dispositivos em um núcleo de pesquisa real e inovador, associando assim a teoria vista em sala com a prática", ressaltou.  Ao chegar no de Departamento de Física, os alunos foram recepcionados pelos membros do Laboratório de Nanomateriais: Dra. Cíntia Pereira, Dra. Natália Rezende e Thiago da Cunha.

Iniciamentes, eles palestraram sobre processos de fabricação de dispositivos, as propriedades físicas de nanomateriais a base de carbono e o grau de aplicabilidade dos mesmos em sensores. Em seguida, os alunos conheceram o Laboratório de Nanomateriais, onde puderam observar de perto o funcionamento de vários dispositivos construídos ali e o processo de fabricação dos mesmos. Por fim, no CTnano, que fica próximo à UFMG, a visita foi guiada pela Dra. Neuma, que apresentou desde os laboratórios de síntese de grafeno e nanotubos de carbono até os laboratórios que utilizam as substâncias para diversas aplicações.

O aluno André Victor Luíz Cândido declarou que após a visita ele percebeu que “com avanço da tecnologia pode-se observar o quanto o mundo microscópico é importante. Com isso um conhecimento mais aprofundado da ciência traz aplicações no dia-a-dia que auxiliam no ciclo da evolução da humanidade.”

O laboratório de Nanomateriais tem como principais áreas de pesquisa síntese e aplicação de diversos tipos de materiais nanoestruturados, em particular, nanotubos de carbono de parede única e de múltiplas paredes. Já o CTnano tem como foco o desenvolvimento de produtos, processos e serviços a partir da aplicação de materiais de estrutura nanométrica em materiais tradicionais a fim de aprimorar suas propriedades físico-químicas, como o aumento da resistência térmica e mecânica, melhora da condutividade térmica e elétrica, a fim de atender demandas industriais.

 

 



 
Para o topo.