Entre os dias 18 e 20 de maio, alunos do 3º e do 5º período do Curso de Licenciatura em Matemática do IFMG Campus Formiga, sob a supervisão da professora Lúcia Helena Costa Braz, participaram e apresentaram trabalhos no VI Encontro de Educação Matemática de Ouro Preto (EEMOP) e VIII Encontro de Ensino e Pesquisa em Educação Matemática (EEPEM), realizados na Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), na cidade de Ouro Preto.

A aluna Dandara Lorrayne do Nascimento Oliveira apresentou o trabalho intitulado “Implicações do uso de tecnologias na prática docente no ensino da Matemática”, que foi desenvolvido no segundo semestre de 2016, na disciplina Informática e Educação Matemática. Para Dandara, “participar e apresentar trabalho no VI EEMOP e VIII EEPEM foi uma experiência única, pois nunca tive a oportunidade de estar em um evento dessa magnitude. Foi um momento de grande aprendizado e troca de experiências”.

A aluna Márcia Mara Campos apresentou o trabalho “Relato de experiência: Reflexões sobre a regência de uma aula de Matemática no Estágio Supervisionado II e o início da identidade docente”, desenvolvido no segundo semestre de 2016, na disciplina Estágio supervisionado II. O trabalho buscou relatar a experiência vivenciada durante o planejamento e execução de uma regência. Márcia relata que “poder conhecer vários trabalhos e pesquisas me oportunizou socializar conhecimentos com a troca de experiências, relatos, palestras e muita motivação. Volto renovada e com a certeza da minha paixão por esta grande missão que é ser Professora”!

Os alunos Gustavo Teixeira de Castro e Ravel Alvarenga Coelho apresentaram o trabalho "Uso de Fractais no Ensino de Progressões Geométricas: Uma Aplicação com Futuros Professores de Matemática", sendo que este se originou na disciplina Tendências Metodológicas do Ensino da Matemática, como uma proposta de aula fundamentada na metodologia de Resolução de Problemas e, posteriormente, na disciplina Informática e Educação Matemática, a ideia pôde ser aplicada e melhorada, dando assim, origem à versão final do trabalho que foi apresentado no evento. “A participação no evento me permitiu obter uma troca de experiências fundamental na construção da minha identidade como futuro professor e me concedeu grandes incentivos e ideias para futuras pesquisas e publicações na área”, destaca Gustavo.

As alunas Daiana Luiza de Sá, Mariana Costa Lourenço e Mariana Cristiny de Oliveira apresentaram o trabalho intitulado “Os Jogos como uma Estratégia de Ensino e Aprendizagem da Matemática", o qual foi desenvolvido com uma turma de 6º ano da Escola Estadual Aureliano Rodrigues no ano de 2016 com o objetivo de apresentar para os alunos uma forma mais dinâmica e divertida de se aprender o que são números primos. Para Daiana “participar do evento foi uma oportunidade de troca de conhecimentos e experiências, ampliando meus horizontes de forma a enxergar a educação matemática com diferentes perspectivas”.

O aluno Sérgio Matheus de Castro apresentou o trabalho "Uma breve análise acerca da Filosofia da Educação Matemática", sendo que este traz a influência da Filosofia Clássica refletida na Filosofia da Educação Matemática e sua importância na visão educacional a partir do século XX. “A participação em eventos e congressos nos dá a oportunidade de atuar ativamente como pesquisadores, socializando ideias e conhecimento. Estar ao lado de pessoas preocupadas em melhorar o entendimento matemático através da Educação Matemática nos dá a dimensão da importância dos estudos nessa área, e nos permite perceber que a Matemática está sempre em construção”, destaca o estudante.

A aluna Thayná Vieira, beneficiada pelo Edital que concede auxílio aos estudantes para participação em eventos científicos, acadêmicos ou tecnológicos, também participou do evento.

O professor Chrisley Camargos, auxiliou a organização do evento, participando como parecerista e coordenador de sessões de comunicações científicas. O professor também foi convidado a participar de uma Mesa Redonda, na qual, os egressos do Mestrado em Educação Matemática da UFOP, compartilharam suas experiências atuais no doutorado.

 

O professor Chrisley Camargos é o terceiro da esquerda para direita